Arquivado em Carreira Publicado em
16 Novembro, 2017

Para não cair em uma armadilha na hora de tirar as ideias do papel

Tirar as ideias do papel, para muitos, não é uma tarefa simples. E como defende Tiago Mattos, fundador da Perestroika e autor do livro Vai Lá e Faz, existem algumas armadilhas dificultando ainda mais esse processo. Uma delas é confundir imaginação, criatividade e inovação. Você já parou pra pensar nesses 3 assuntos e como eles afetam seu negócio?

Confundindo essas três esferas, você pode achar que está resolvendo uma coisa quando, na verdade, está solucionando outra. De acordo com Tiago, essa confusão diminui radicalmente a chance de suas ideias saírem do plano abstrato e se transformarem em algo concreto.

Mais: 2 Livros para empreendedoras – uma ajuda para começar (ou melhorar) seu negócio

Para tirar as ideias do papel

Bora esclarecer de vez o que esse trio de palavras realmente significa:

Imaginação

É a capacidade de criar na mente algo que não foi captado pelos sentidos. Imaginação não tem, necessariamente, utilidade. Sabe quando você imagina algo e esse algo não tem nenhuma função e não resolve nenhum problema? Então! Logo, ela serve de base para as pessoas criativas, mas sozinha não te leva a lugar nenhum!

Criatividade

É usar a imaginação para resolver um problema de forma viável, tentando a solução mais original possível. Quanto mais inusitada essa solução, mais criativa é a ideia! Sabe o “algo” que você imaginou ali em cima? A partir do momento que ele passa a ter uma finalidade, aí você está sendo criativa. Mas é importante lembrar: ideia que não pode ser colocada em prática é apenas imaginação!

Inovação

É aplicar a criatividade, colocar a solução do tópico anterior em ação. E é justamente aqui que as pessoas encalham (incluindo eu!). Resumindo: é FAZER.

Mais: Porque você trabalha? Seu propósito pode determinar seu sucesso

Ou seja, ás vezes temos uma ideia aparentemente incrível, mas nunca a avaliamos por esse ponto de vista e por isso acabamos nos autoenganando!

Como bem destacou Tiago, a imaginação é fundamental para a criatividade, assim como a criatividade é fundamental para a inovação. Mas vale lembrar:

Não são os criativos que mudam o mundo. São os inovadores. (Tiago Mattos)

Em tempo:

Indico MUITO a leitura do livro Vai Lá e Faz, pois sabemos que o mundo está mudando e que só as empresas (e as pessoas) que se adaptarem a essas mudanças farão parte do mercado de  trabalho. Além de estratégias para você tirar as ideias do papel, ele traz uma visão de como serão os negócios no futuro. Ou seja, é ótimo pra quem quer estar um passo a frente! Para comprar (tem a versão impressa e a digital) é só clicar aqui.

  • Agora eu quero saber, qual problema a sua ideia resolve? Me conta aqui nos comentários ou lá no Instagram!
Escrito por /
Post Anterior Próximo Post

2 Comentários

  • Daniel Moraes

    Gente, que máximo!
    Adorei a matéria! incrível! \o/

    Beijos,
    Danny

    24 Novembro, 2017 at 3:36 pm Reply
    • Helen

      Obrigada Danny! Volte mais vezes! 🙂

      24 Novembro, 2017 at 5:11 pm Reply

    Me conta o que achou

    Você vai curtir